segunda-feira, 18 de março de 2013

Dilma fala de meritocracia para a ocupação de ministérios

16/03/2013   -  11h37

BRASÍLIA - A presidente Dilma Rousseff defendeu a meritocracia para a ocupação de cargos em seu governo durante a cerimônia de posse dos novos ministros da Agricultura, Antônio Andrade, da Aviação Civil, Wellington Moreira Franco, e do Trabalho, Manoel Dias, neste sábado.

"Nós já iniciamos o processo, estou na metade do governo, e precisamos conduzir a bom termo esse processo, que se pauta em transformar os ministérios do nosso país em ministérios profissionais e meritocráticos", declarou Dilma durante o evento, realizado no Palácio do Planalto.

Dilma deu as boas-vindas a Andrade, Moreira Franco e Dias e desejou sucesso. "E faço um convite a todos eles: convite ao trabalho", completou.

A presidente agradeceu individualmente pelo trabalho desenvolvido pelos ex-titulares das pastas, Wagner Bittencourt, Brizola Neto e Mendes Ribeiro Filho. Dilma declarou que os ex-ministros "são pessoas que agora se separam do governo, mas não se separam do projeto" do seu governo "ou da trajetória de vida" que compartilham.

"São pessoas que deram o melhor de suas capacidades para fazer o governo funcionar bem e, muitas vezes, abriram mão de interesses pessoais e até de interesses políticos em defesa do interesse dos brasileiros, para a concretização de um projeto no qual acreditam de forma substantiva", disse, destacando que obteve deles "apoio, engajamento e lealdade".

A presidente afirmou que o ex-ministro da Aviação Civil Wagner Bittencourt retornará ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), onde é funcionário de carreira, para assumir uma vice-presidência.

Ela afirmou que Bittencourt foi essencial para a estruturação da Secretaria da Aviação Civil (SAC), uma vez que foi o primeiro a comandar a pasta. "Quero reconhecer de público que ele se conduziu com competência, espírito público e dedicação à frente da Secretaria", disse, acrescendo que "sabemos da importância de transformar os aeroportos".

Dilma lembrou da militância política de Manoel Dias no PDT e elogiou a "correção" do trabalho do até então deputado federal Antonio Andrade à frente das comissões de Agricultura e de Finanças e Tributação.

A presidente destacou que seu governo "tem compromisso com a agricultura comercial do nosso país" e destacou a importância da agropecuária, que "por isso precisa de apoio e incentivo. De todas as linhas de financiamento que o governo é capaz de dar, não só pra garantir exportação, mas qualidade de alimentação do nosso povo", disse.

Dilma disse ainda que seu governo tem "pacto sólido com os trabalhadores" e disse que o Ministério do Trabalho precisa se modernizar para corresponder ao novo modelo de desenvolvimento com inclusão social levado à frente por sua gestão.


http://economia.uol.com.br/noticias/valor-online/2013/03/16/dilma-fala-de-meritocracia-para-a-ocupacao-de-ministerios.htm