quinta-feira, 5 de agosto de 2010

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO CONCEDE APOSENTADORIA ESPECIAL PARA INSPETORES DA GCM/SP


Na data de ontem, dia 04 de agosto de 2010, o Tribunal de Justiça Do Estado de São Paulo, CONCEDEU A APOSENTADORIA ESPECIAL aos Inspetores Rovilson José Laudino, José Reinaldo Brígido e Pedro Paulo Faza.

O julgamento foi presidido pelo Exmo. Sr. Dr. Desembargador Marcio César Müller Valente, que em seu relatório reconheceu o direito a Aposentadoria Especial ao Guarda Civil Metropolitano, como funcionário policial, que tenha completado 30 anos de serviços, desde que os 20 últimos sejam de serviços prestados na GCM, podendo os outros 10 anos serem de contribuição ao INSS, independente de idade, isto para homens e mulheres.

Um comentário:

  1. que espetacular!!!
    Esta briga é antiga,e é importante relembrar que em 2001 quando era presidente do sindicato dos guardas metropolitano (1997 à 2005 ), fora discutido no DST logo fora para o IPREM ,a epoca com Dr sergio do DST, que percebeu nossa atividade impar dentro do serviço publico municipal,tendo como fatores de insalubridade ,penoso e risco de perder à vida.
    E agora,houve o reconhecido pela justiça,foi uma vitoria.
    Por derradeiro, desejo-lhe aos amigos e colegas que deram o tempo e logico a contribuição que de tchau esta namora chamada Guarda civil, que muitas vezes nos fizera e faz ainda chora...
    e deixo aqui registrado que aqueles que irão ficar, que fique e, que faça a diferença, não deixando a bola cair... e demostrando que à Guarda Civil é uma instituição/organização séria e com muita Honra!
    pensamento Bgriano: A Guarda Morre, mas não se Rende!
    Parabéns!!!!!!!!!!!!!!!
    Carlos Matos
    Classe Distinta-CD/GCM/SP
    23 anos de organização
    e Presidente do Sigmesp
    www.sigmesp.com.br

    ResponderExcluir