quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Inspetora Michelle: Um vazio que foi deixado na Guarda Civil Metropolitana e em cada um de nós



Só quem esteve presente na data de ontem na despedida da nossa irmã e amiga Michelle Tavares de Lourenço é que pôde perceber o quanto ela era querida e adorada pelos companheiros de trabalho.

Casada com o Inspetor Lourenço, mãe de uma linda menina, profissional dedicada, dominava fluentememente o inglês e o espanhol, com inteligência invejável tinha muito a contribuir neste mundo. Adentrou nos quadros da GCM como Guarda Civil Metropolitana 3ª Classe e em poquíssimo tempo passou no concurso de Inspetora.

Deixou nosso mundo muito cedo, com pouco mais de trinta anos de idade.

Já estamos sentindo demais a sua falta Michelle

Nosso conforto e conformismo sobre acontecimentos como este, está na razão e na compreenção de que o Ente Superior em que cada um de nós acreditamos ser o Criador de tudo que existe, tem um motivo especial para tê-la tirado de nosso convívio, e na certeza de que Ele a levou para cumprir uma nova jornada, no misterioso destino que Ele escreveu para cada um de nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário